Seladora automática facilita produtividade nas indústrias

Seladora automática
Autor: JHM Máquinas | Publicado: 04 maio 2018

Quando se pensa no aumento da produção de uma fábrica, não há nada mais eficaz do que a automação de processos. Além de torná-los mais eficientes, a quantidade de produtos pode ser muito maior, já que há maior agilidade de forma geral. A seladora automática é um desses instrumentos para acelerar o ritmo e o fluxo de produtividade.

Esse equipamento é inserido na etapa de embalagem dos produtos, cuidando do empacotamento e permitindo que os esforços humanos possam se concentrar em pontos mais estratégicos do processo.

Uma seladora automática contínua, por exemplo, é capaz de produzir cerca de 20 mil pacotes em 8 horas. A estimativa depende de alguns pormenores, no entanto, como o tamanho da embalagem. Independente disso, a produtividade só tem a ganhar.

O fato é que a adição de uma seladora automática na etapa de embalagem é altamente vantajosa. Não só a produtividade aumenta, mas também há redução de mão de obra e economia de recursos, fazendo o investimento se pagar em um curto período de tempo.

Essa automação permite ainda a padronização das embalagens, favorecendo a qualidade apresentada ao mercado. Isso ajuda na valorização do produto e da marca, aumentando a sua competitividade.

Quer entender mais sobre como a seladora automática ajuda a aumentar e melhorar a produtividade? Descubra a seguir!

O funcionamento da seladora automática

Existem vários tipos de máquinas com seladora automática. As mais básicas fazem apenas o trabalho de fechar a embalagem e estampar informações de data e lote, mas é o investimento em uma seladora automática de qualidade que a produtividade aumenta de verdade.

Em um maquinário completo, somente um ou dois funcionários pode ser suficiente, ficando responsável por inserir o produto na máquina e retirá-lo já na embalagem fechada para enviar ao estoque. Ao reduzir a necessidade de controlar todas as etapas, é possível administrar melhor o tempo de execução e, consequentemente, aumentar a produtividade.

A seladora automática já vem com uma datadora equipada, garantindo que a embalagem saia pronta do processo. Porém, para automatizar ao máximo, é importante incluir no equipamento uma pesadora automática, que irá inserir a quantidade exata dos produtos nos pacotes.

Assim, o processo realiza três tarefas automaticamente: pesagem, selagem e datação. Existem outras máquinas que também podem agregar ainda mais produtividade nessa etapa de embalagem dos produtos, cada uma de acordo com o maquinário desejado e mais indicado.

Baixe o e-book
Indústria alimentícia: 7 máquinas importantes para a linha de produção
” 

e confira os melhores processos de automação de embalagens para aumentar a produtividade da sua empresa!